Street view - Canela /RS - Em 2011

Postagens com um pouco da história de Canela:

-- Clique abaixo da foto para abrir a postagem ou no item da lista de marcadores.

Canela - Símbolos da Cidade

O Brasão
O primeiro símbolo oficial de Canela a ser criado foi o Brasão de Armas, em 25 de novembro de 1963, através da Lei Municipal 58.
O brasão representando a paisagem e as riquezas de Canela é composto pelos seguintes elementos:
Tendo com chefe um escudo tipo Português, cortado em duas partes. A superior, um quadro em ouro, representando as riquezas da região e constância de seu povo, com uma Caneleira em sua cor natural, origem do nome do município. Abaixo, um céu de prata, representando a pureza do ar, o caráter de seus cidadãos e montes de sinople verdes que formam um vale, de onde brotam as águas cristalinas da Cascata
do Caracol, marco turístico importante da cidade.
Ladeando o escudo, simbolizando as usinas hidrelétricas do município, do sistema Canastra, duas torres de transmissão de energia em prata, ligadas entre si por um fio elétrico que passa entre o escudo e a coroa mural com quatro torres em ouro (na Lei Municipal que criou o brasão de canela não cita o porquê das quaro torres).
Sob o escudo, ligando às torres, vê-se uma faixa vermelha onde em letras prateadas lê-se: INDÚSTRIA  CANELA  28-12-1944  TURISMO.
O conjunto de cores dos metais e esmaltes lembram as cores nacionais (verde e amarelo) e as da bandeira do Rio Grande do Sul (verde, vermelho e amarelo).
Mais tarde foram acrescidos abaixo do escudo os seguintes dizeres:
CANELA – RS e CIDADE DAS HORTÊNCIAS, este em forma de arco.
A Bandeira de Canela
A Bandeira de Canela, Pavilhão Municipal, foi criada pela Lei Municipal 422, de 30 de dezembro de 1977. Suas proporções devem ser de 15 módulos de largura por 10 de altura, dividida em três faixas iguais e verticais, sendo as laterais na cor azul e a central em branco. Sobre a faixa central, é visto o brasão do município.
NG Canela (0003)

Google+ Followers